quarta-feira, 25 de maio de 2016

Membro da Comissão de Educação de São Paulo conhece de perto o Projeto de Lei "Ampliação e Adaptação dos Espaços Pedagógicos"

"Mais ações para incorporação da praça Neiva Lenita Marcondes Carrara à escola"


Atendendo uma das ações de encaminhamento do projeto "Se esta praça fosse minha" recebemos no horário noturno da JEIF, um dos membros da comissão de Educação da Câmara Municipal de São Paulo, que ano passado, conheceu o projeto da aluna Annebelle Rene (Grêmio) no Parlamento Jovem. 

Cerca de 40 pessoas entre alunos, professores, mães e mandatos do parlamentar se reuniram no laboratório de Informática onde o Professor Adilson, coordenador do Grêmio Estudantil, fez uma breve explanação sobre o início do projeto, do surgimento da ideia em 2013 até o atual momento (2016).Para expor a situação da praça foram apresentadas fotos das condições que se encontra atualmente a praça observando que são as mesmas de 3 anos atrás. 

A Praça em 2014
Em seguida, apresentaram-se as ações que a comissão vem desenvolvendo  e contando rapidamente o processo feito desde o contato com Sub-Prefeito, Diretor Regional e Órgãos competentes para tentarmos uma conversa e encaminharmos nossas reivindicações para investimento público neste projeto. 

Por fim, uma amostragem das atividades de apropriação realizadas pelos professores do Fund I, Sala de Leitura, Informática e alunos gremistas neste ano letivo e a perspectiva das crianças diante das possibilidades de uso e ressignificação dos espaços da escola vinculadas à praça.



"Se Esta praça Fosse Minha" 1ºC
"Se Esta Praça Fosse Minha" 1ºC
O vereador elogiou nossa iniciativa, relatou que antes deste encontro visitou a praça  e avaliou ser a única dentre as praças do bairro que está sem cuidados e isolada entre duas ruas. Levantou algumas possibilidades e sugeriu que mesmo tendo sido feita uma consulta pública pelo plebiscito em 2014, que seria viável realizar um abaixo assinado com os vizinhos e todos membros da comunidade a favor deste projeto para então, agendarmos uma reunião com a Secretaria do Verde e assim, apresentarmos a proposta com as devidas assinaturas.

Por fim, colocou-se a disposição para acompanhar nossa comissão nessa reunião e em seguida, e outra com a SME e  buscar apoio para um projeto que traça ações de ressignificar espaços que atenda ao projeto interdisciplinar previsto no (PPP) da escola e da rede municipal.

Atualmente elaboramos o abaixo-assinado, apresentamos na reunião de pais e estamos colhendo as assinaturas junto a comunidade escolar.  



Veja aqui o percurso do projeto em 3 anos:

video




terça-feira, 17 de maio de 2016

"Se Esta Praça Fosse Minha"


Praça Professora Neiva Lenita Marcondes Carrara é visitada por alunos dos anos iniciais. 

A ideia da incorporação desta praça aos espaços da escola surgiu em 2013 com a reflexão e discussão dos alunos sobre "Escola, que Espaço é Este?" através da  exibição do documentário  "Pro Dia Nascer Feliz" transformado em  programa Web TV "Na minha escola Tem" (projeto desenvolvido com Alunos Monitores da Informática Educativa e Grêmio Estudantil).

Nesta reflexão, eles manifestaram suas opiniões sobre seus sentimentos em relação à escola e o que esta representa para a  vida deles.

"Ás vezes eu acordo pensando que vou para a escola porque tenho que ir"
"A gente decora e não aprende"
"Ás vezes é muito mais fácil desistir do que continuar tentando"


Refletindo o papel de cada um na construção de espaços que favoreça a integração, a aprendizagem e o desenvolvimento de cidadania com o questionamento sobre "Que Escola Você quer Construir?" foram surgindo sugestões para modificar os espaços.

Em 2014, esta ideia foi encaminhada para pauta de reunião de conselho de escola e depois de muito debate e decisão da maioria dos presentes dentre os professores, pais, alunos, funcionários e direção, foi decido implantar um plebiscito na escola afim de realizar uma pesquisa pública com a comunidade escolar  para incorporação da Praça  Professora Neiva Lenita Marcondes Carrara, sendo uma ação de legitimidade, deliberada em Conselho de Escola. 

Esta possibilidade de modificação dos espaços  deu origem ao Projeto de Lei "Ampliação e Adaptação dos Espaços Pedagógicos"  da aluna Annebelle Rene Andria apresentado no Parlamento Jovem da  Câmara Municipal de São Paulo no dia 13 de novembro de 2015.
Parlamento Jovem 2


Este projeto dispõe sobre o investimento em infraestrutura, nos prédios das escolas públicas municipais de ensino fundamental que recebam alunos do 1º. Ano do ciclo de alfabetização.          


Ressignificando os espaços


Para apropriação das ideias, ressignificação e uso dos espaços, realizamos  neste  mês algumas visitas monitoradas com os alunos de 1º, 2º e 5ºs  anos para conhecerem o local e expressarem seus desejos para a incorporação e assim, denominaram o projeto "Se esta Praça Fosse Minha"






Nestas visitas, os alunos Monitores da Informática Educativa e do Grêmio Estudantil conversaram com as crianças sobre o projeto e contaram  a história de como surgiu a praça. 

Questionados sobre o que modificariam naquele lugar, as crianças manifestaram interesse por parque, bosque para leitura, espaços para jogos, horta, piquenique, palco para teatro e outros. 

Conduzidos em grupos, os alunos andaram pelo local observando as condições que se encontra a área e em seguida retornaram para a escola para registrar através de desenhos algumas de suas intenções.

Protagonismo Juvenil


Alunos do Grêmio apresentando a praça



Alunos Monitores da Informática Educativa ajudando na apresentação da praça


















Clique nos vídeos para acompanhar as visitas dos Alunos


1ºs anos A, B e C

video



2ºs anos A, B e C:

video




5ºs anos A, B e C


video






 Saiba Mais:

http://pontodeencontrodogui.blogspot.com.br/2013/12/web-tv-escola-que-espaco-e-este.html

http://pontodeencontrodogui.blogspot.com.br/2014/04/consulta-publica-nossa-escola-quer.html

http://pontodencontrodogui.blogspot.com.br/2015/11/aprovado-o-projeto-de-lei-da-nossa.html)

terça-feira, 26 de abril de 2016

Alun@s da Sala de Leitura "Guilherme de Almeida" juntos no combate à Dengue, Chikungunya e Zika!

Nesta semana, estamos lendo e discutindo os textos disponíveis na revistinha "Juntos no combate à Dengue, Chikungunya e Zika". Essa atividade potencializa e complementa as ações realizadas na escola reafirmando o papel da educação na formação, verdadeiramente cidadã, do educando!

Fique ligado em nossos canais, pois em breve teremos mais novidades em parceria com a Sala de Informática Educativa de nossa escola!



segunda-feira, 18 de abril de 2016

AEL GUILHERME DE ALMEIDA TEM SUA PRIMEIRA AULA INAUGURAL



A Academia Estudantil Guilherme de Almeida realizou nesta sexta-feira (15/04) sua primeira aula com os alunos ingressantes à AEL que abordaram a realização do projeto em nossa unidade escolar. O evento aconteceu na Sala de Leitura que contou com a participação da Assistente de Direção Sônia Braga, a coordenadora pedagógica Alice Menezes e as professoras orientadoras de Sala de Leitura Alessandra Umbelino e Erika Garcia.
A iniciativa tem o intuito de reunir os calouros  para as boas-vindas e discutir temas pertinentes para o futuro do projeto em nossa escola. Foram assistidos vídeos que contam a história da AEL na Cidade de São Paulo (principalmente na Diretoria Regional da Penha) e sua expansão para toda a rede.
O projeto acontece no contra turno e a AEL é uma autêntica Academia de Letras, coma as devidas adaptações para o público estudantil. Os alunos escolhem um autor da Literatura para representar na Academia. Fazem pesquisas e realizam seminários sobre seus “amigos literários”. Assistem à palestra de poetas, escritores e artistas convidados.

As próximas aulas acontecerão dia 28/04/2016 às 10h20minh (6º e 7º anos) e 29/04/2016 às 12h (9º anos)


sexta-feira, 8 de abril de 2016

CEM % AÇÃO VENCE A ELEIÇÃO DO GRÊMIO 2016

Com 51% dos votos a chapa 1 - "Cem % Ação" vence a eleição do Grêmio estudantil 2016







Alunos Monitores da Informática Educativa conduziram os alunos para participarem da eleição.
469 pessoas entre alunos e funcionários manifestaram sua intenção de voto. Deste número 240 escolheram a chapa 1.

As chapas concorrentes foram:

1- CEM % AÇÃO
2- TD2
3- DIAMANTE
4- DISTRITO 12











segunda-feira, 4 de abril de 2016

Valeu, Professora Alessandra!

Nossa querida Professora Alessandra, Orientadora da Sala de Leitura, participou do III Seminário Leituraço na Rede Municipal de Ensino, no dia 31 de março de 2016.

Nesse seminário, educadores compartilham ações que fortalecem as identidades das populações historicamente sub-representadas na literatura.

Ela falou sobre o projeto "Vivendo a vida de verdade para o mundo interior ter mais variedade", que desenvolve em nossa escola.

Ficamos muito orgulhosos de sua participação!

É isso aí, Alê!



terça-feira, 29 de março de 2016

O teatro vem na escola!

No dia 23 de março de 2016, no período da manhã, um grupo de teatro apresentou a peça "Quanto Vale Seu Riso", com o tema Bullying para os 9ºs anos.

As professoras Silene e Rute acompanharam os alunos durante a apresentação.

                                           Confira algumas fotos.